terça-feira, 12 de junho de 2012

Feliz todo-dia-é-dia-de-amar

Feliz daquele que não precisa de data comemorativa para dizer que tem carinho, que ama, que sente saudades. Feliz é quem diz isso todo dia e é retribuído. Feliz, é aquele que tem mais do que um obrigada como resposta e que recebe um "eu também" ou um "abre a porta, vim te ver" como presente. Feliz de quem se dá conta, do tamanho da responsabilidade que é ter o sentimento de alguém em suas mãos e ainda assim sabe dar valor e a devida atenção que o outro merece. Feliz de quem ama sem esperar ser amado, mas é, e isso para ele basta.
E não vem me chamar de mal amada, que não vai colar.
Porque também é feliz aquele que se ama e sabe a hora de se colocar em primeiro lugar.

3 comentários:

Shuzy disse...

Lindo, Lindoo, LindooO!

<3

Andreia Breiter disse...

Muito amor próprio para pouco amor terceirizado na nossa vida! hahaha

disse...

Pra amar, tem que se amar. E acredito que isso deve ser exposto sem que se peça.


beijoos.